31/08/15

Amarante Telões - Reta de Ramos, Amarante, Alminhas de um edifício em ruínas, que já exalou cheiros maravilhosos a café...



"Orações do Anjo

Meu Deus, eu creio, adoro, espero e amo-Vos. Peço-Vos perdão para os que não crêem, não adoram, não esperam e não Vos amam."

Amarante Escultura - A obra escultórica foi vista por vários milhares de visitantes no Reino Unido e inaugura pela primeira vez em Portugal, no concelho de Amarante, no claustro do Museu Amadeo de Souza-Cardoso.



«Amarante: Museu Amadeo de Souza-Cardoso vai acolher a obra “A Fonte da Felicidade”
31/08/2015, 12:02

Depois do êxito em Tatton Park, "A Fonte da Felicidade" chega a Portugal e a primeira paragem é em Amarante. A inauguração será a 5 de setembro, pelas 21h30.

A obra escultórica foi vista por vários milhares de visitantes no Reino Unido e inaugura pela primeira vez em Portugal, no concelho de Amarante, no claustro do Museu Amadeo de Souza-Cardoso.

“A Fonte da Felicidade" é a primeira, de uma série de 17 peças de arte entre esculturas e instalações, desenhada por Cristina Rodrigues para assinalar os 30 anos de carreira de Carlos Coelho e Paulo Rocha, dois dos mais proeminentes designers e criadores de marcas em Portugal.

A arquiteta e artista plástica tem encontrado inspiração para as suas obras nas histórias dos outros e foi sob perspetiva humanizada que nasceram as personagens de uma grande narrativa, “O Mestre Alfaiate & O Alquimista / Master Tailor & The Alchemist”, que celebra a vida e obra de dois génios criativos portugueses.

Forjada em ferro para suportar garrafas de Licor Beirão, “A Fonte da Felicidade” é uma escultura de grandes dimensões em torno da qual se estendem centenas de correntes, também em ferro, que parecem amarrar a peça ao solo. A obra representa Carlos Coelho & Paulo Rocha, “O Mestre Alfaiate & O Alquimista” ainda jovens, quando “A Fonte da Felicidade” ainda não tinha sido turvada pela vida. A aclamada artista explica que “quando somos jovens o nosso coração é mais puro e abraça a vida com uma esperança que parece ser inabalável”. Os dois criadores desde cedo começaram a construir o seu percurso, transformando a história recente de todo um país com os seus trabalhos.

As marcas criadas e/ou intervencionadas por Carlos Coelho e Paulo Rocha fizeram parte do quotidiano dos portugueses durante as três últimas décadas e mudaram a nossa forma de perceber os produtos por elas representadas. Marcas como o Multibanco, a Tap, a RTP, os Correios, a Galp, a Delta, o Licor Beirão, entre muitas outras, modificaram a vida privada e as formas de convívio no nosso país.

Outras tiveram um papel educador e transformador de mentalidades como é o caso de Portugal Sou Eu., marcas que nos fizeram olhar para Portugal de uma nova perspetiva, valorizando os nossos produtos, o nosso design. Celebrar a carreira destes dois homens é celebrar Portugal.

Cristina Rodrigues justificou a escolha de Licor Beirão como primeira marca a ser alvo de intervenção. Nas suas palavras, "O álcool é mágico. Transforma-nos, desinibe-nos, abala-nos. O licor é uma taça de magia. Quero fazer uma peça de arte gigante chamada "A Fonte da Felicidade". Idealizei homenagear este "elixir dos deuses", esta forma de convívio milenar...".

"A Fonte da Felicidade" foi revelada ao público pela primeira vez no dia 19 de Julho de 2015, nos célebres jardins de Tatton Park, no Reino Unido, que serviram de cenário para inúmeros filmes e séries de época. A artista portuguesa residente em Manchester tem atualmente uma grande exposição no Palacete de Tatton Park (21 de maio - 4 de outubro 2015) intitulada "Anjos da Guarda", trabalho que tem sido alvo de vários elogios por parte da imprensa britânica.

De referir que a artista plástica tem vindo a desenvolver vários trabalhos com o apoio do Município de Amarante, nomeadamente “A manta amarantina”, inspirada nas mantas tradicionais de Amarante, que, ainda hoje, continuam a fazer-se em algumas freguesias do Município, como Bustelo e Fridão. No seguimento deste trabalho, as tecedeiras de Fridão vão agora, no quadro da Oficina de Projetos da Tecelagem, preparar novos projetos que se traduzam numa maior capacidade de produzir e vender produtos locais, valorizando as tradições de Amarante e conquistando melhores condições de rendimento e desenvolvimento pessoal. No consórcio de apoio à iniciativa importa mencionar, para além da Câmara Municipal de Amarante, a Cristina Rodrigues Studio, a Junta de Freguesia de Fridão, o CLAP, a Caixa de Mitos, a Rendas Portuense, a Dólmen e o Museu Municipal Amadeo de Souza-Cardoso. A obra faz parte da exposição “O Céu desce à Terra” que se insere nas comemorações dos 25 anos do Mosteiro de Alcobaça como património da humanidade (Unesco) e reflete a paixão da artista por aquele monumento, um dos mais belos lugares de Portugal, e que guarda os túmulos dos dois amados mais celebrados da nossa história: D. Pedro e D. Inês.

Ainda em Amarante, a artista Cristina Rodrigues construiu, no seu ateliê situado num espaço anexo ao Museu Municipal Amadeo de Souza-Cardoso, "A Gaiola", composta por 25 violas amarantinas de cor marfim, desenhadas à mão.

Cristina Rodrigues é um nome bem conhecido da arte contemporânea Portuguesa. A artista e arquiteta sedeou-se em Manchester, no Reino Unido, há seis anos, e foi naquela cidade que construiu um percurso académico e artístico internacional.

A sua carreira conta com passagens pelo GDMOA, Guangdong Museum of Art, na China (2013); pelo MUDE, Museu do Design e da Moda (2013); pelo MNA, Museu Nacional de Arqueologia (2013/2014); pela Zweigstelle Berlin (2014); pela Catedral de Manchester (2014) e, mais recentemente, o seu trabalho está em exposição no Mosteiro de Alcobaça (18 abril - 31 agosto 2015) e na Mansão Senhorial de Tatton Park, em Inglaterra (21 maio - 4 outubro 2015).» in http://www.averdade.com/pagina/seccao/19/noticia/11071?utm_source=sendinblue&utm_campaign=NEWSLETTER_A_VERDADE&utm_medium=email

Criminalidade - Foi Pedro Guerra, atual diretor de conteúdos da BTV, quem tornou público, em 2001, o crime de roubo pelo qual Luís Filipe Vieira foi condenado a 20 meses de prisão em 1993.



«Atual diretor da BTV tornou público o "roubo" de Vieira Pedro Guerra escreveu que presidente do SLB não se arrependeu.

Foi Pedro Guerra, atual diretor de conteúdos da BTV, quem tornou público, em 2001, o crime de roubo pelo qual Luís Filipe Vieira foi condenado a 20 meses de prisão em 1993. 

Na altura, o agora diretor de conteúdos do canal do Benfica era jornalista no semanário O Independente, cuja última edição saiu para as bancas em setembro de 2006, quando Vieira já era gestor do futebol da Sociedade Anónima Desportiva (SAD) do clube da Luz. 

Confrontado pelo CM com o facto de no passado ter investigado jornalisticamente o crime pelo qual foi condenado o atual presidente dos encarnados, e agora trabalhar no canal do Benfica, Pedro Guerra recusou fazer qualquer comentário. 

Na notícia que escreveu há 14 anos, o diretor de conteúdos da BTV conta os pormenores do roubo de um camião que foi planeado por Luís Filipe Vieira na madrugada de 28 de março de 1984. 

O presidente das águias planeou este crime para ajudar o amigo José Luís Gama, um industrial de Arganil. "Um caso de contas que não foram honradas, relacionado com uma cessão de quotas da empresa Transportes Internacionais de Mercadorias, Lda.", lê-se no artigo de Pedro Guerra. 

Além de ter tornado público o crime do presidente do clube para o qual trabalha atualmente, o jornalista escreveu que Luís Filipe Vieira "não mostrou arrependimento" e ainda teve sorte, juntamente com os outros cinco arguidos, por apanhar duas leis de amnistia "que lhes valeram o perdão total das penas".» in http://www.cmjornal.xl.pt/desporto/futebol/detalhe/20150829_1650_atual_diretor_da_btv_tornou_publico_o_roubo_de_vieira.html


(Pinto da Costa acusa Luís Filipe Vieira de ter sido condenado por roubo)

30/08/15

Amarante Museu de Arte Sacra - A mão eterna do Dr. Luís Coutinho, numa obra que enobrece tanto Amarante, o Museu de Arte Sacra com o seu nome.



(EXPOSIÇÃO DE PRESÉPIOS DR LUÍS COUTINHO) (Recordando a exposição de parte da coleção dos Presépios de Natal do Dr. Luís Coutinho)

Amarante Fotografia - Exposição Fotográfica "O Prazer de Fotografar" de Eduardo Teixeira Pinto, inauguração em setembro de 2015, na Sala de Exposições de Vila Nova de Foz Côa.


(A obra de Vila Nova de Foz Côa, espalha-se por todo o Portugal e pelo Mundo, pois continua muito viva)


(2º Workshop de Fotografia em Valença)

Amarante Câmara Municipal - O Pavilhão Municipal de Amarante dispõe já do novo pavimento desportivo NAXOS que foi submetido aos mais exigentes testes da Federação Internacional de Andebol (IHF)", anunciou o Município de Amarante.



«Amarante: Certificação do pavimento do pavilhão "dá mais segurança aos atletas"
29/08/2015, 23:14

O Pavilhão Municipal de Amarante dispõe já do novo pavimento desportivo NAXOS que foi submetido aos mais exigentes testes da Federação Internacional de Andebol (IHF)", anunciou o Município de Amarante.

"De referir que este pavimento obteve o certificado desta entidade que é, de resto, a entidade máxima no que ao Andebol, a nível mundial, diz respeito. A superfície foi concebida para permitir um nível de aderência perfeito em todas as direções, para todos os desportos de pavilhão, incluindo desportos sobre patins", indica a nota de imprensa.

O piso do pavilhão desportivo municipal tinha 15 anos de vida e de utilização. "Com o passar do tempo e com a evolução dos materiais este já não permitia um bom desenvolvimento da prática desportiva. A sua composição rígida já não era compatível em termos biomecânicos com o número de horas de utilização".

Para o presidente da Câmara Municipal de Amarante, José Luís Gaspar, “a segurança e o conforto dos atletas e utentes estão em primeiro lugar. Devido à excelente absorção ao impacto deste novo piso, podemos garantir que os riscos de lesão a nível das articulações e coluna serão minimizados”.

A ADA - Associação Desportiva de Amarante acolheu com satisfação a notícia: “esta é uma intervenção há muito desejada. O pavilhão municipal tem uma alta taxa de ocupação e, finalmente, tem um piso que permite mais qualidade de treino. Esta intervenção ajudará, seguramente, a baixar a taxa de sinistralidade”, comentou António Mendes, presidente da ADA.» in http://www.averdade.com/pagina/seccao/19/noticia/11067?utm_source=sendinblue&utm_campaign=NEWSLETTER_A_VERDADE&utm_medium=email

Segunda Liga: F.C. do Porto B 2 vs Freamunde 1 - ​Portistas bateram o Freamunde (2-1), no jogo da quinta jornada da Segunda Liga e André Silva e Gleison marcaram os golos dos Dragões.



«FC PORTO B REGRESSA ÀS VITÓRIAS

​Portistas bateram o Freamunde (2-1), no jogo da quinta jornada da Segunda Liga. André Silva e Gleison marcaram os golos.

O FC Porto B regressou este domingo às vitórias, ao bater o Freamunde, por 2-1, no Estádio de Pedroso. Os Dragões marcaram primeiro, por André Silva, os “capões” chegaram ao empate, que na segunda parte foi desfeito com um golo do extremo Gleison. Ao fim de cinco jornadas, os azuis e brancos somam nove pontos e seguem provisoriamente no quarto lugar da Segunda Liga.

Com apenas uma alteração na equipa que na quarta-feira defrontou o Leixões – Pité cedeu o lugar a Rafa no lado esquerdo da defesa -, os Dragões precisaram menos de um quarto de hora para inaugurar o marcador: após um excelente trabalho individual, Ismael Diaz serviu de forma perfeita André Silva, que rematou cruzado sem dar qualquer hipótese a Rui Nereu (12m). Estava feito o primeiro golo do FC Porto, o quinto do avançado na época que reforça o estatuto de melhor marcador da Segunda Liga.

O Freamunde, que pouco antes tinha enviado uma bola aos ferros da baliza de Raúl Gudiño, não tardou em reagir à desvantagem: Fausto Lourenço roubou a boa ao central Maurício numa zona proibida, combinou com Ansumane, e reestabeleceu o empate no encontro (21m). Foi o resultado com que as duas equipas foram para o intervalo, depois de 45 minutos pautados pelo equilíbrio quer em remates, cantos, faltas e posse de bola.

Na segunda parte, o FC Porto B surgiu mais forte, controlou melhor o jogo e, depois de Ismael Díaz ter estado muito perto do 2-0 numa bela jogada de entendimento do ataque, voltou a colocar-se na frente da partida pelos pés de Gleison, servido por André Silva, numa jogada em que os dois trocaram de papéis: o avançado cruzou na perfeição para o extremo brasileiro fazer o segundo golo portista, estreando-se a marcar com a camisola azul e branca (59). Durante esta fase, apesar da boa resposta do Freamunde, foi aos portistas que pertenceram as melhores oportunidades de golo, uma delas flagrante, na sequência de uma bela jogada de entendimento colectivo em que a bola só não terminou no fundo das redes de Nereu, porque Luís Pedro não permitiu (77m).

Os Dragões conquistam, assim, a terceira vitória em cinco jogos na Segunda Liga. Na próxima jornada, agendada para 12 de Setembro, às 16h00, o adversário é o Famalicão, recém-promovido ao segundo escalão do futebol português.

FICHA DE JOGO

FC PORTO B-FREAMUNDE, 2-1
Segunda Liga, 5.ª jornada
30 de Agosto de 2015
Estádio de Pedroso, em Vila Nova de Gaia

Árbitro: Manuel Oliveira (Porto)
Assistentes: Pedro Ribeiro e Carlos Campos
Quarto árbitro: Tiago Leandro

FC PORTO B: Raúl Gudiño (g.r.); Víctor García, Verdasca, Maurício e Rafa; Omar, Francisco Ramos (cap.) e Graça; Ismael, André Silva e Gleison
Substituições: Pité por Rafa (57m), Chidozie por Graça (67m), Sérgio Ribeiro por Gleion (87m)
Não utilizados: João Costa (g.r.); Leonardo, Rui Moreira e Ruben Macedo
Treinador: Luís Castro

FREAMUNDE: Rui Nereu (g.r.); Leandro, Luís Rocha, Luís Pedro e Rui Rainho; Daniel Barbosa, Robson, Pedrinho, Ansumane, Diogo Ramos e Fausto Lourenço.
Substituições: Cafú por Rui Rainho (61m), Celeste por Ansumane (75m), Pedro Pereira por Luís Rocha (79m)
Não utilizados: Marco (g.r.), Eridson, Huginho e Ivan Santos
Treinador: Carlos Pinto

Ao intervalo: 1-1
Marcadores: André Silva (12m), Fausto Lourenço (21m), Gleison (60m)
Disciplina: cartão amarelo a Rui Rainho (50m), Diogo Verdasca (52m) e cartão vermelho para Robson (90m).» in http://www.fcporto.pt/pt/noticias/Pages/fcportob_freamunde_5j_segunda_liga.aspx

F.C. do Porto Sub-15 Futebol: Trofense 0 vs F.C. do Porto 9 - ​Dragões com vitória expressiva em casa do Trofense no arranque da primeira fase do Nacional de Juniores C.



«SUB-15 ESTREIAM-SE COM GOLEADA

​Portistas com vitória expressiva em casa do Trofense (9-0) no arranque da primeira fase do Nacional de Juniores C.

A estreia da equipa de Sub-15 do FC Porto no Campeonato Nacional de Juniores C foi este domingo na Trofa e teve quase duas mãos cheias de golos. Os jovens Dragões marcaram-nos todos, não deixaram nenhum para o Trofense e alcançaram um triunfo gordo por 9-0, que os coloca, logo à primeira jornada, no comando da primeira fase da prova com os mesmos três pontos do Varzim, Leixões e Rio Ave, as outras equipas vitoriosas nesta jornada.

Na primeira parte, os jovens Dragões marcaram quatro golos e na segunda juntaram outros cinco ao marcador. Da lista de melhores marcadores da partida fizeram parte cinco jogadores: Edgar, Valente e Duarte bisaram e Lévi, Cláudio e Outeiro contribuíram com um golo cada.

Orientados por Vítor Severino (na foto), os Sub-15 alinharam com: Lourenço (g.r.); Raí, Tiago Matos, Lévi, Miguel Bastos, Esteves, Edgar (cap.), Rafa, Duarte, Valente e Gonçalo.» in http://www.fcporto.pt/pt/noticias/Pages/sub_15_trofense_fcporto_300815.aspx

Liga NOS: ABC 26 vs F.C. do Porto 24 - ​Minhotos valentes superiorizaram-se sobre dragões apáticos e pesados, num jogo discutido até ao último segundo.



«HEPTACAMPEÕES PERDEM SUPERTAÇA FRENTE AO ABC

​Minhotos superiorizaram-se por 26-24, num jogo discutido até ao último segundo.

​O FC Porto perdeu este domingo a Supertaça relativa à época 2014/15, frente ao ABC, vencedor da Taça de Portugal, por 24-26. No Pavilhão Municipal de Castelo Branco, a defesa agressiva dos bracarenses acabou por ser o factor determinante de um desafio com muitas falhas técnicas de parte a parte e que foi discutido até ao último segundo, após uma recuperação final dos Dragões. O derradeiro golo, da autoria de Pedro Seabra, terminou com a discussão.

A primeira parte foi marcada pelo equilíbrio (houve 11 igualdades no marcador), mas foi o ABC a estar mais vezes na frente. Depois do 1-0, apontado pelo reforço Rui Silva, o FC Porto só voltou a estar na frente depois dos 20 minutos, quando Gilberto Duarte, com o seu terceiro golo na partida, fez o 7-6. No último lance dos primeiros 30 minutos, o ABC assegurou a vantagem ao intervalo, com um tento do ponta Miguel Sarmento (11-12).

As defesas superiorizaram-se aos ataques, num pavilhão com uma tempeatura muito elevada. Como já foi regra na temporada passada, os minhotos criaram inúmeros obstáculos ao ataque posicional dos Dragões, com uma defesa 5-1 muito agressiva. Do lado dos heptacampeões nacionais, o habitual 6-0 e a maior estatura e poderio físico também obrigavam os bracarenses a procurar soluções alternativas, nomeadamente o contra-ataque, que não saía para os portistas.

Na segunda parte, Quintana surgiu na baliza, por troca com Hugo Laurentino. No arranque, o ABC conseguiu a primeira vantagem de dois golos do encontro (12-14), o FC Porto respondeu com um parcial de 3-0, passando para 15-14, mas os detentores da Taça de Portugal aproveitaram depois algumas falhas defensivas dos Dragões para regressar aos dois golos à maior.

Os Dragões exploraram a superioridade física dos seus pivôs (com destaque para Alexis Borges) para chegar a duas igualdades (18-18 e 19-19), em meados da segunda metade, mas depois o ABC disparou, aproveitando inúmeros erros ofensivos dos azuis e brancos e também graças à inspiração do guarda-redes Humberto Gomes, que defendeu até um livre de sete metros de Ricardo Moreira, a sete minutos do fim.

O resultado estava então em 19-23 e o destino da Supertaça parecia traçado, mas nos últimos três minutos o FC Porto ainda recuperou de 21-25 para 24-25, graças a uma defesa mista e quase a todo o campo. Porém, na última posse de bola, o ABC conseguiu escoar os segundos que restavam e ainda fazer o 24-26. Os bracarenses têm agora seis Supertaças no palmarés, tantas como os azuis e brancos.

FICHA DE JOGO

FC PORTO-ABC, 24-26
Supertaça 2014/15
30 de Agosto de 2015
Pavilhão Municipal de Castelo Branco

Árbitros: Gonçalo Aveiro e Hugo Fernandes

FC PORTO: Hugo Laurentino (g.r.); Gilberto Duarte (5), Yoel Morales (1), Daymaro Salina (6), Ricardo Moreira (4), Rui Silva (1) e Hugo Santos (2)
Jogaram ainda: Alfredo Quintana, Miguel Martins, António Areia (1), Jordan Pitre, Alexis Borges (4) e Gustavo Rodrigues
Treinador: Ricardo Costa

ABC: Humberto Gomes (g.r.); Pedro Seabra (5), André Gomes, Carlos Martins, Nuno Grilo (4), Hugo Rocha (1) e Fábio Vidrago (1)
Jogaram ainda: Nuno Rebelo (5), Miguel Sarmento (5), Tomás Albuquerque (3), João Gonçalves (1) e Diogo Branquinho (1)
Treinador: Carlos Resende

Ao intervalo: 11-12.» in http://www.fcporto.pt/pt/noticias/Pages/final-superta%C3%A7a-2014-15-FC-Porto-ABC-Castelo-Branco.aspx

Óbitos - Faleceu na tarde deste sábado, 29 de agosto, a mulher de 35 anos que havia sido resgatada na terça-feira das águas do rio Tâmega pelo comandante do posto da GNR de Alpendorada, Josias Alves, junto à Barragem do Torrão.



«Faleceu a mulher de Alpendorada resgatada das águas do rio Tâmega na terça-feira passada
29/08/2015, 23:25

Faleceu na tarde deste sábado, 29 de agosto, a mulher de 35 anos que havia sido resgatada na terça-feira das águas do rio Tâmega pelo comandante do posto da GNR de Alpendorada, Josias Alves, junto à Barragem do Torrão.

Cláudia Pinto foi ainda socorrida no local por elementos dos Bombeiros Voluntários de Entre-os-Rios e por elementos do INEM, sendo posteriormente transportada para o Hospital Padre Américo, em Penafiel.

Cláudia Pinto residia em Alpendorada e deixa dois filhos menores.

No seu perfil público nas redes sociais sucedem-se as manifestações de pesar.» in http://www.averdade.com/pagina/seccao/2/noticia/11068?utm_source=sendinblue&utm_campaign=NEWSLETTER_A_VERDADE&utm_medium=email

29/08/15

Liga NOS: F.C. do Porto 2 vs Estoril 0 - ​Vitória dos Dragões por duas bolas sem resposta, vale liderança provisória da Liga portuguesa.



«ABOUBAKAR E MAICON METERAM O ESTORIL NA LINHA

​Vitória dos Dragões (2-0) vale liderança provisória da Liga portuguesa.

O FC Porto é líder (pelo menos provisório) da Liga portuguesa, após bater por 2-0 o Estoril, com golos de Aboubakar (apontou o terceiro golo na prova e é um dos melhores marcadores) e Maicon, de livre directo, quase dois anos depois do último festejo em jogos oficiais. Os lances decorreram nos primeiros minutos da primeira parte e aos 17 da segunda, o que permitiu quebrar a resistência de um adversário organizado e persistente, que vendeu cara a derrota. Com este resultado, os azuis e brancos levam 11 triunfos consecutivos no Dragão em jogos da Liga (sempre sem sofrer golos) e 15 em todas as competições, numa sequência iniciada em Dezembro de 2014.

A exibição do FC Porto - num Dragão com uma excelente casa, em final de tarde de Verão - pode não ter sido brilhante, mas fica precisamente esse dado: na principal competição portuguesa é preciso recuar mais de oito meses e 1115 minutos para encontrar um adversário a marcar no estádio dos portistas. No entanto, a marca fica ainda aquém dos 1127 minutos fixados por Vítor Baía e Silvino, em 1995/96. Do encontro ficam ainda na retina os erros de arbitragem de Duarte Gomes, mesmo que não tenham tido influência no resultado: não se percebeu o critério dos cartões amarelos (Afonso Taira, por exemplo, deveria ter visto o segundo quando viu o primeiro) e, nos últimos minutos, ficou por marcar um penálti por mão de Gerso na área estorilista e foi mal assinalado um fora de jogo a Herrera, quando este seguia isolado.

No onze inicial, Lopetegui promoveu duas alterações face ao jogo com o Marítimo: Martins Indi foi o defesa esquerdo, em vez de Cissokho, e Herrera cedeu o lugar a Tello, o que implicou a passagem de Brahimi para o vértice mais avançado do meio-campo. O Estoril até arrancou com vontade de pressionar os portistas em todo o campo, mas os planos saíram furados com o golo madrugador dos Dragões, aos seis minutos: Brahimi tirou um adversário da frente, precisamente no corredor central, e assistiu Aboubakar na perfeição. O camaronês cumpriu a sua parte e apontou o quarto golo nos últimos quatro jogos na prova.

Um golo apontado tão cedo é muitas vezes o suplemento de confiança de que uma equipa precisa para arrancar para uma exibição dominadora, mas não foi este o caso. O Estoril manteve a postura agressiva e os azuis e brancos foram baixando o ritmo e falhando muitos passes. Não é que os forasteiros tenham tido muita posse de bola ou criado grandes situações de golo - um desvio ao lado do ex-portista Diego Carlos, aos 23 minutos, na sequência de um canto, foi o lance mais perigoso -, mas a exibição do FC Porto não agradava claramente a Lopetegui. Por isso, o treinador fez mesmo uma substituição antes do intervalo: André André rendeu Varela e Brahimi passou para o flanco esquerdo do ataque.

O FC Porto também não entrou bem no segundo tempo, com o Estoril a chegar algumas vezes perto da baliza de Casillas e a conseguir criar perigo logo aos 51 minutos, graças a um remate de Léo Bonatini, interceptado por Danilo. O jogo estava complicado, mas os Dragões voltaram a marcar no momento certo: Maicon assumiu a marcação de um livre na zona frontal, descaído para a direita, e rematou com força e colocação para o 2-0. A falta (de novo sem merecer cartão amarelo) que originou o lance foi sofrida por André André, que veio trazer ordem e intensidade ao meio-campo portista, onde já morava então Herrera (substituiu Imbula).

A partir daí e até ao apito final, não houve muito para contar. O FC Porto controlou a partida e, nos descontos, para além dos lances já referidos, com intervenção de Duarte Gomes, Osvaldo obrigou Kieszek a uma defesa difícil, num remate à meia-volta que lhe poderia ter permitido a estreia a marcar com a sua nova camisola.

Ficha do Jogo» in http://www.fcporto.pt/pt/noticias/Pages/2015%20-%202016/aboubakar-e-maicon-meteram-o-estoril-na-linha-8-29-2015.aspx


(FC Porto vence mas não convence)

F.C. do Porto Sub 19 Futebol: F.C. do Porto 3 vs Moreirense 0 - ​FC Porto derrotou o Moreirense por três bolas sem resposta, com golos de Luís Mata, Idrisa e Madi, na quarta jornada do Nacional de Juniores A.



«SUB-19 VENCEM EM MOREIRA DE CÓNEGOS

​FC Porto derrotou o Moreirense (3-0), com golos de Luís Mata, Idrisa e Madi, na quarta jornada do Nacional de Juniores A.

A equipa de Sub-19 do FC Porto somou a segunda vitória consecutiva no Campeonato Nacional de Juniores A, ao bater o Moreirense por 3-0, no jogo da quarta jornada da Zona Norte da prova, disputado este sábado em Moreira de Cónegos. Luís Mata, Idrisa Sambú e Madi Queta foram os autores dos golos portistas, que se encontram provisoriamente classificados no quinto lugar da tabela, com sete pontos somados.

No Campo n.º2 do Moreirense quem mandou foram os azuis e brancos, que inauguraram o marcador por intermédio de Luís Mata (14m), mas podiam ter chegado ao intervalo com um resultado mais volumoso, não tivesse faltado maior critério no último terço do terreno para encontrar o caminho para o golo.

A segunda parte trouxe-me o melhor FC Porto em todo jogo frente a um adversário que nunca chegou a assustar verdadeiramente o guarda-redes Filipe Ferreira. Os portistas controlaram com mais qualidade, chegaram mais vezes à baliza do Moreirense e foi com naturalidade que aumentaram a contagem no marcador: primeiro por Idrisa que, acabado de entrar na partida, fez o segundo (69m); depois, mesmo em cima do minuto 90, Madi Queta concluiu com sucesso um bom trabalho de José Pedro e estabeleceu o resultado final. 

Os Sub-19, orientados por António Folha, alinharam com: Fábio Ferreira (g.r.); Fernando, Jorge Fernandes, Sandro e David; Rui Pires, Bruno Costa, João Cardoso (cap.); Moreto (Madi Queta, 74m), Rui Pedro (Idrisa, 66m) e Luís Mata (José Pedro, 74m).

Na próxima jornada, os jovens Dragões recebem o Sporting de Braga, no dia 12 de Setembro, às 17h00, no Estádio Luís Filipe Menezes, no Olival. A partida será transmitida em directo no Porto Canal.» in http://www.fcporto.pt/pt/noticias/Pages/sub19_freamunde_fcporto_4j_2908.aspx


Formação: Sub-19 (zona Norte, 4.ª j.): Moreirense-FC Porto, 0-3 (29/08/15)

F.C. do Porto Andebol - Gilberto Duarte arrecadou o prémio de Melhor Jogador, Alfredo Quintana o de Melhor Guarda-redes e Miguel Martins foi considerado o Atleta Revelação da época 2014/15.



«GILBERTO, QUINTANA E MIGUEL MARTINS SÃO OS MELHORES DE 2014/15

​Prémios de Melhor Jogador, de Melhor Guarda-redes e de Atleta Revelação do andebol nacional para três Dragões.

Três atletas do FC Porto, heptacampeão nacional de andebol masculino, serão esta noite distinguidos na Gala que anualmente elege aqueles que mais se destacaram na modalidade.​ Gilberto Duarte arrecadou o prémio de Melhor Jogador, Alfredo Quintana o de Melhor Guarda-redes e Miguel Martins foi considerado o Atleta Revelação da época 2014/15.

Os três jogadores portistas que figuravam na lista final de nomeados - que resultou de uma votação online levada a cabo pela Federação Portuguesa de Andebol - permitiram, assim, que o FC Porto seja o clube mais representado nos prémios que distinguem os melhores de cada época.

A V Gala do Andebol, que se realiza esta noite no Cine Teatro Avenida, em Castelo Branco, dará o pontapé de saída para a nova época na modalidade e antecede o jogo da Supertaça entre FC Porto e ABC, que terá lugar no Pavilhão Municipal albicastrense, este domingo, às 15h00, com transmissão em directo no Porto Canal.» in http://www.fcporto.pt/pt/noticias/Pages/andebol_melhores_do_ano_1415.aspx

Património - Quer seja pelo passado por vezes sombrio ou pela necessidade de um enorme músculo financeiro para a sua reabilitação, a verdade é que os hospitais psiquiátricos desactivados são muitas vezes deixados ao abandono, reféns das memória que por lá existem.



«O QUE RESTA DOS MANICÓMIOS ITALIANOS? 

As cidades reaproveitam centros e edifícios industriais, transformam prédios em decadência em creches, parques de diversões em centros empresariais, igrejas desactivadas em moradias. De tudo isto já falámos no Green Savers. Mas há uma espécie de edifício público que raramente é reabilitado: os hospitais psiquiátricos.

Quer seja pelo passado por vezes sombrio ou pela necessidade de um enorme músculo financeiro para a sua reabilitação, a verdade é que os hospitais psiquiátricos desactivados são muitas vezes deixados ao abandono, reféns das memórias que por lá existem.

Em Itália, onde eles eram conhecidos por manicómios, como bem relembra o Mail Online, eles foram proibidos por lei em 1978, deixando centenas de edifícios em ruínas assombradas nos anos seguintes.

O explorador urbano Thomas Windisch fotografou alguns destes edifícios, ainda que sempre acompanhado. “Ao fazer a minha pesquisa sobre estes locais descobri que muitas coisas más aconteceram por lá. Nestes locais é assustador quando, sabendo que estamos sozinhos, uma porta fecha-se por causa do vento”, explicou ao Mail Online.

“Mas adoro locais onde posso captar o passado. Isso desperta a minha imaginação e posso vê-los exactamente como foram e o que poderá ter lá acontecido”, concluiu o fotógrafo austríaco.» in http://greensavers.sapo.pt/2015/08/29/o-que-resta-dos-manicomios-italianos-com-fotos/

Espaço - A NASA já está a fazer testes de agricultura intergaláctica, na Estação Espacial Internacional e no Centro Espacial Kennedy, e também no Laboratório Internacional de Neurobiologia Vegetal, situado em Florença, em Itália.



«É possível cultivar no espaço?

A falta de alimentos é um dos maiores obstáculos para voos espaciais de longo curso e à eventual colonização do cosmos. Os astronautas limitam-se a ingerir comida seca processada nas suas viagens, mas estão já a ser criados novos métodos para cultivar vegetais, para fazer a denominada “salada espacial”!

A NASA já está a fazer testes de agricultura intergaláctica, na Estação Espacial Internacional e no Centro Espacial Kennedy, e também no Laboratório Internacional de Neurobiologia Vegetal, situado em Florença, em Itália. O objetivo destas experiências é encontrar formas de um corpo terrestre se adaptar às condições extraterrestres.

Os primeiros testes focaram-se na alface, já que pode ser consumida sem ser aquecida, para além de fácil cultivação. O maior problema da agricultura espacial prende-se exatamente pela ausência da gravidade no espaço. O solo artificial flutuaria e a água não se infiltraria na terra. Uma das soluções passa por utilizar uma espécie de almofada com “sacos-vasos”, para manter o solo unido e um tecido permeável para conduzir a água às raízes dos vegetais.

Nesta primeira fase, a cultura hidropónica é a mais viável, ainda que numa solução de nutrientes e não solo. Para fazer a fotossíntese são utilizados LED azuis e vermelhos, para fornecerem a luz para o processo.

Para além da fonte de alimento, as plantas ajudarão a enriquecer mundos alienígenas com oxigénio e a reduzir os níveis tóxicos do carbono.

Esta é uma das curiosidades que pode encontrar na Quero Saber Especial Respostas Incríveis às Perguntas mais Curiosas. São 400 segredos no mundo em que vivemos, já nas bancas!» in http://querosaber.sapo.pt/espaco/e-possivel-cultivar-no-espaco

28/08/15

Amarante Mancelos - Na quinta da Aldeia, Gateira, Mancelos, encontro de três seres humanos excepcionais.


(No mês de janeiro de 1959, encontro feliz de três pessoas maravilhosas.)

Amarante Candemil - A Associação 'Viver Canadelo e Serra do Marão' em parceria com a Associação PROGREDIR estão a organizar a “Caminhada do Marão”, no próximo dia 6 de Setembro. A iniciativa está integrada na Feira do Marão em Candemil, Amarante.



«Amarante: “Caminhada do Marão” a 6 de setembro
28/08/2015, 17:43

A Associação 'Viver Canadelo e Serra do Marão' em parceria com a Associação PROGREDIR estão a organizar a “Caminhada do Marão”, no próximo dia 6 de Setembro. A iniciativa está integrada na Feira do Marão em Candemil, Amarante.

O ponto de encontro será junto à sede da associação, pelas 9 horas. A caminhada terá um percurso de 11 km, correspondendo ao nível de dificuldade médio/baixo. O valor da inscrição será 7, 50 euros para sócios e 8,50 euros para não-sócios com direito a almoço (feijoada à moda do Marão). A animação estará a cargo da Tuna de Ansiães.

A inscrições devem ser efetuadas através do e-mail vivercanadelo@hotmail.com ou para o número 910409162.» in http://www.averdade.com/pagina/seccao/19/noticia/11065

Vila de Baião - Paulo Pereira, atual autarca de Baião, assumiu que vai dar continuidade ao trabalho feito por José Luís Carneiro, ex-presidente que suspendeu o mandato, para concorrer às Legislativas, pelo Circulo Eleitoral do Porto.



«Paulo Pereira assume presidência da autarquia de Baião
28/08/2015, 15:00

“Os baionenses podem esperar que os compromissos sejam cumpridos como está previsto”, foi desta forma que Paulo Pereira, atual autarca de Baião, assumiu que vai dar continuidade ao trabalho feito por José Luís Carneiro, ex-presidente que suspendeu o mandato.

Recorde-se que José Luís Carneiro, presidente da autarquia desde 2005, suspendeu o mandato por ser candidato às Legislativas pelo círculo eleitoral do Porto. Paulo Pereira, até agora vice-presidente, assumiu a presidência do município. “Isto é um trabalho de equipa e eu vou, a partir desta altura, assumir dentro da equipa uma nova posição”, referiu.

Quanto a uma futura candidatura à presidência da Câmara Municipal de Baião, Paulo Pereira afirma que “se essa for a decisão da comissão política e se eu entender que a minha pessoa será a que melhor corresponde àquilo que são os interesses para o concelho, estarei disponível e preparado”.

Em relação à prioridade na governação da autarquia de Baião, Paulo Pereira destacou como problema  “a diminuição permanente dos recursos que têm os municípios, principalmente municípios como nós que dependem em grande margem do orçamento do Estado”, no entanto, expressou que não tem faltado à autarquia “engenho” para darem uma “resposta positiva em prol dos interesses dos baionenses”.

Quanto a José Luís Carneiro, o edil admite que preferia que “tivesse ido até ao fim”, embora “compreenda o motivo porque vai”. E acrescenta: “José Luís Carneiro não é igual a ninguém, é igual a si próprio”, enaltecendo “o seu carisma, a sua forma de ser e de estar”. Paulo Pereira acompanha a equipa de José Luís Carneiro desde 1997, primeiro como oposição e, desde 2005, como maioria da autarquia baionense.» in http://www.averdade.com/pagina/seccao/18/noticia/11063?utm_source=sendinblue&utm_campaign=NEWSLETTER_A_VERDADE&utm_medium=email

Amarante Azulejaria - Nas Instalações das Antigas Fábricas da Tabopan, na reta de Ramos, Telões, mais um belo azulejo.


(A Arte anda por aí espalhada e esquecida pelos homem; afinal esta é a sociedade da alienação, outros valores mais altos se levantam... esquecer é mais fácil que lembrar!) 

27/08/15

Animais Marinhos - Biologistas marinhos ganharam um verdadeiro jackpot ao deparar-se com a presença de espécies vivas do Allonautilus scrobiculatus, também conhecido como Crusty Nautilus.



«Animal marinho raro avistado pela primeira vez em 30 anos

Biologistas marinhos ganharam um verdadeiro jackpot ao deparar-se com a presença de espécies vivas do Allonautilus scrobiculatus, também conhecido como Crusty Nautilus. Com certeza já viu este gigantesco “caracol” marinho em ilustrações ou fotos antigas, pois há 31 anos que não era fotografado vivo no seu habitat natural – quando em 1984 foi avistado pela primeira vez vivo nas águas da ilha Ndrova, na Papua Nova Guiné. Foi exatamente neste local que os biólogos exploraram e voltaram a encontrá-lo, a cerca de 180 metros de profundidade.  

Esta espécie da família dos Cefalópodes é parente afastada do polvo e o choco e a sua primeira aparição data de há 500 milhões de anos. São considerados autênticos fósseis vivos porque durante estes milhões de anos nunca mudaram de forma. Estes são originários das águas tropicais dos oceanos Pacífico e Índico, Austrália, costa do Japão e ilhas Fiji. Sendo animais são predadores muito lentos, que se alimentam essencialmente de pequenos peixes e crustáceos, capturados com os seus tentáculos.  

A equipa trouxe os animais para a superfície, num reservatório de água fria, pois eles não gostam do calor. Foram retiradas amostras da pele, da concha e muco, depois foram medidos e pesados, antes de serem devolvidos ao seu habitat natural. Com esta informação será possível determinar a idade e o sexo dos animais.

O Crusty Nautilus vive em populações muito reduzidas, e são isolados uns dos outros. A razão é a limitação do seu espaço ideal de habitat, ou seja, vivem a cerca de 800 metros de profundidade, morrendo se forem mais fundo e evitam a superfície pelo calor da água.» in http://querosaber.sapo.pt/ciencia/animal-marinho-raro-avistado-pela-primeira-vez-em-30-anos

Espanha Galiza - Situada perto de Santiago de Compostela, a aldeia de "O Penso" está sem habitantes há dez anos, aquando da morte do seu último residente.



«ALDEIA GALEGA À VENDA POR €200.000

Situada perto de Santiago de Compostela, a aldeia de O Penso está sem habitantes há dez anos, aquando da morte do seu último residente. Na verdade, O Penso é apenas mais uma das aldeias e vilas que, naquele país, ficam desertas todos os anos, à medida que a população procura outras condições de vida nas grandes cidades e, também, foge ao envelhecimento rural.

Agora, segundo o NPR, O Penso está à venda e o preço até é convidativo e negociável: €200.000 por uma aldeia inteira: seis casas – uma dela com cinco quartos –, uma padaria, um pomar e dois celeiros. É verdade que a aldeia, estando abandonada há 10 anos, não está nas melhores condições para se viver – é preciso muito trabalho para voltar a ser habitável – mas são 40 hectares a poucos quilómetros do mar, um poço de água e 70 vacas.

A venda da aldeia está nas mãos de Mark Adkinson, um gestor de imobiliário britânico que há muito tenta arranjar comprador para estas aldeias. “Estou a tentar encontrar compradores para locais que estão abandonados há 50 ou 60 anos. O meu trabalho é encontrar os descendentes”, explicou ao NPR.

Assim que consegue chegar até eles, o primeiro passo é perguntar-lhes se querem vender a propriedade da família, agora abandonada. Se a resposta é positiva, então ele encontra-lhes um comprador – há propriedades que são vendidas por pouco menos de €5.000.

Para O Penso, Adkinson tem intenções de compra por parte de reformados britânicos e um indiano que quer converter a aldeia num retiro de yoga. “Há também um Americano que já vive em Espanha que quer montar aqui uma escola inglesa”, revelou. “Há compradores que querem regressar à natureza. E, sejamos sinceros, não há nada mais natural que isto”.» in http://greensavers.sapo.pt/2015/08/27/aldeia-galega-a-venda-por-e200-000-com-fotos/

Desporto Atletismo - Nelson Évora ganhou a medalha de bronze no triplo salto nos mundiais de atletismo em Pequim, na China, com uma marca de 17.52 metros.



«Nelson Évora ganha bronze em mundial de atletismo

Nelson Évora ganhou a medalha de bronze de triplo salto no mundial de atletismo em Pequim, com uma marca de 17.52 metros. Christian Taylor levou o ouro e Pedro Pichardo conseguiu a prata.

Nelson Évora ganhou a medalha de bronze no triplo salto nos mundiais de atletismo em Pequim, na China, com uma marca de 17.52 metros. Christian Taylor (EUA) conseguiu uma marca de 18,21 metros e levou a medalha de ouro e Pedro Pichardo (Cuba) conseguiu a prata com 17,73 metros. Christian Taylor consegue assim a segunda melhor marca da história.

Nelson Évora, 31 anos, teve seis ensaios e três foram considerados nulos. O salto de 17,52 metros aconteceu ao sexto e último ensaio. Esta é a primeira medalha do atleta em grandes competições ao ar livre desde 2009. Há sete anos Nelson Évora conseguia a medalha de ouro nos Jogos Olímpicos, também em Pequim.

A final começou às 12h10 (hora de Lisboa), 19h10 (hora local).» in http://observador.pt/2015/08/27/nelson-evora-ganha-bronze-em-mundial-de-atletismo/


Nelson Évora Medalha de bronze Campeonato do Mundo de Atletismo Pequim 2015 (salto: 17.52)

Criminalidade - Um dirigente do Benfica terá sido detido pela Polícia Judiciária (PJ) por suspeita de tráfico de droga, no âmbito de uma operação que levou a buscas no estádio da Luz.



«Buscas no estádio da Luz por suspeita de tráfico de droga
27-08-2015 9:04

De acordo com o "Jornal de Notícias", um dirigente do Benfica terá sido detido, no âmbito de uma operação designada por "Porta 18".

Um dirigente do Benfica terá sido detido pela Polícia Judiciária (PJ) por suspeita de tráfico de droga, no âmbito de uma operação que levou a buscas no estádio da Luz.

De acordo com o "Jornal de Notícias", foram apreendidos quase 10 quilos de cocaína numa viatura do clube, no âmbito da operação designada por "Porta 18".

O jornal escreve que a operação decorreu no final de Julho, sendo o homem detido referenciado como José Carriço, director do Departamento de Apoio aos Jogadores.
Em causa na operação, diz fonte da PJ ao dário, está uma rede que se dedicava ao tráfico de droga proveniente da América do Sul.» in http://rr.sapo.pt/informacao_detalhe.aspx?fid=1&did=197437


«Operação Porta 18. A entrada da cocaína na Luz e a detenção de José Carriço

José Carriço, que chegou a diretor do Departamento de Apoio aos Jogadores do Benfica, foi detido pela PJ no final de julho por transportar 9,5 quilogramas de cocaína num veículo do clube encarnado.

José Carriço, referenciado como diretor do Departamento de Apoio aos Jogadores do Benfica, foi detido no final de julho, pela Polícia Judiciária, por transportar 9,5 quilogramas de cocaína num veículo do clube. O funcionário administrativo encontra-se neste momento em prisão preventiva. A notícia é avançada esta quinta-feira pelo Jornal de Notícias (JN).

A operação de buscas fazia parte de uma investigação maior da Unidade Nacional de Combate ao Tráfico de Estupefacientes (UNCTE) que já durava há 8 meses e que culminou nesta detenção, tendo passado publicamente despercebida. Durante este período foram realizadas ações de vigilância, tendo sido registadas em mais de uma dezena de ocasiões as entradas e saídas da Luz por parte de cidadãos colombianos, com o pretexto de se irem reunir com José Carriço. Estas movimentações faziam-se pela porta n.º 18 do estádio, que deu nome à operação.

José Carriço foi detido na A1 (autoestrada n.º1), estando acompanhado de um outro indivíduo num automóvel do clube da Luz. Foi então que os 9,5 quilogramas de cocaína foram apreendidos. Ao mesmo tempo em que decorria a detenção, estavam a ser realizadas buscas no gabinete do administrativo no Estádio da Luz por parte de investigadores da PJ.

Uma semana depois, foi emitido um comunicado pela autoridade policial a informar que a operação se destinava a “desmantelar um grupo organizado dedicado ao tráfico de cocaína” e que “a organização criminosa em causa, composta por indivíduos portugueses, dedicava-se à importação do produto estupefaciente para território nacional desde a América do Sul, por via aérea”. O documento da PJ revelou também que foram detidos dois indivíduos de 54 e 58 anos, que teriam sido sujeitos a prisão preventiva por ordem de um juiz de instrução criminal.

O diretor de comunicação do Benfica, João Gabriel, frisou na noite de quarta-feira ao JN que este é “apenas um problema da justiça com o cidadão José Carriço. Nada a ver com o Benfica”. Mesmo assim, para os investigadores da UNCTE e para o Ministério Público de Sintra, titular deste inquérito criminal, é preciso ter em consideração as escutas telefónicas realizadas durante a investigação que indicam que o administrativo ainda tinha funções de liderança no Departamento de Apoio aos Jogadores do Benfica e mantinha uma relação próxima com Luís Filipe Vieira, o presidente do clube encarnado.» in http://observador.pt/2015/08/27/operacao-porta-18-entrada-da-cocaina-na-luz-detencao-jose-carrico/

Dolmen - Segundo o seu Presidente de Direção e Coordenador da Equipa Técnica, a situação não é para menos já que a instituição prevê um corte nas verbas que vai poder gerir no próximo quadro comunitário Portugal 2020, agora sob a designação de DLBC - Desenvolvimento Local de Base Comunitária.



«Dolmen manifesta-se "contra" corte previsto de 50% das verbas atribuídas para a região do Douro Verde
27/08/2015, 09:37

"Estamos tristes e revoltados pela falta de respeito pela nossa instituição e pelo trabalho desenvolvido ao longo de duas décadas", assim define Telmo Pinto o ambiente que se vive por estes dias na Dolmen.

Segundo o seu Presidente de Direção e Coordenador da Equipa Técnica, a situação não é para menos já que a instituição prevê um corte nas verbas que vai poder gerir no próximo quadro comunitário Portugal 2020, agora sob a designação de DLBC - Desenvolvimento Local de Base Comunitária.

Ou seja, menos 50 por cento dos 11 milhões de euros que foram geridos no âmbito do Subprograma 3 do PRODER, destinado à dinamização das zonas rurais, durante o último quadro comunitário e que resultaram em 150 projetos de investimento apoiados pela Dolmen, gerando mais de 260 postos de trabalho diretos nos concelhos de Amarante, Baião, Cinfães, Marco de Canaveses, Penafiel e Resende.

"A expetativa que este território criou, fruto do nosso trabalho em rede sob a designação de Douro Verde, está agora em vias de se perder devido a este corte que nos querem impôr", referiu Telmo Pinto. "Somos nós quem melhor conhece a região, e somos nós quem tem apoiado as pequenas iniciativas de promoção territorial, assentes na valorização dos produtos endógenos, seja a gastronomia, vinhos ou o património cultural e natural, tendo canalizado verbas para o apoio à criação e desenvolvimento de negócios em áreas como o turismo em espaço rural, agroturismo, restauração e transformação de produtos agrícolas, aliás, arrisco-me a dizer que 90% dos projetos avançaram porque tiveram o nosso apoio,financeiro e técnico, regendo-se a nossa atuação pela proximidade à economia e ao investidor, acompanhando-o ao longo de todo o processo", acrescentado que "é nesta proximidade que reside a diferenciação do trabalho realizado pela Dolmen, enquanto Associação de Desenvolvimento Local".

O corte de verbas poderá igualmente pôr em causa o quadro de pessoal da Dolmen, onde se incluem 12 técnicos. "São pessoas qualificadas, com um grande conhecimento do território e que agora arriscam-se a ir para  o desemprego", indica o coordenador.

Quanto aos centros de promoção local criados pela Dolmen em Amarante, Baião, Marco de Canaveses e mais recentemente em Cinfães, Telmo Pinto acredita que os mesmos não terão de encerrar, "até porque iremos envolver as autarquias para que colaborem na sua manutenção". Segundo o coordenador, através destes centros, são apoiados diretamente 149 produtores de vinho da região, bem como muitos artesãos locais que desta forma conseguem escoar os seus produtos.

O coordenador-geral salientou ainda que a Dolmen não desistiu de voltar a integrar os centros urbanos de Amarante e Marco de Canaveses na sua área de gestão, decisão que justificou "pela intransigência do governo em limitar a atuação das DLBC a territórios que tenham no máximo 150 mil habitantes, apesar dos regulamentos comunitários preverem a aceitação de exceções, como aliás a Dolmen já o era no passado, abrangendo um total de 161 mil habitantes”.

A situação não é pacífica e tem colocado frente a frente o Governo e a Federação Minha Terra, que congrega as 54 associações portuguesas de desenvolvimento local.

A reunião de negociação das verbas aconteceu a 13 de agosto, sem resultados favoráveis para as pretensões das associações de desenvolvimento local. A decisão final do governo deverá ser tomada hoje, 27 de agosto.

Telmo Pinto acredita que a situação irá ser resolvida a contento de todos, até porque a região precisa de um reforço de verbas face ao número de intenções de candidatura que todos os dias chegam à cooperativa Dolmen. Até ontem eram 125 os empresários que se dispunham a investir na região segundo divulgou o coordenador da Dolmen.» in http://www.averdade.com/pagina/seccao/3/noticia/11053

Vila de Alpendorada - Uma mulher, de 35 anos, foi retirada com vida do rio Tâmega pelo comandante do posto da GNR de Alpendorada, na tarde de terça-feira, 25 de agosto, na freguesia de Alpendorada, Várzea e Torrão.



«Comandante da GNR de Alpendorada salva mulher das águas do rio Tâmega
26/08/2015, 00:55

Uma mulher, de 35 anos, foi retirada com vida do rio Tâmega pelo comandante do posto da GNR de Alpendorada, na tarde de terça-feira, 25 de agosto, na freguesia de Alpendorada, Várzea e Torrão.

O resgate foi presenciado por alguns populares que registaram o salvamento em fotografia.

Ao Jornal A VERDADE, o comandante Josias Silva Alves contou que, cerca das 15h30, recebeu o alerta por uma popular, que acabara de ver a vítima cair da Barragem do Torrão, localizada no rio Tâmega. Uma vez que a patrulha estava numa ocorrência, o comandante deslocou-se sozinho ao local.

"Quando cheguei, ela estava na tona da água, com as vias respiratórias debaixo do nível da água", contou o comandante, que de imediato se atirou ao rio e teve de nadar cerca de 15 metros para resgatar a mulher. "É um local perigoso, próximo das comportas, corria o risco de ser sugado, mas no momento só pensei em salvar a senhora", acrescentou.

Os Bombeiros de Entre-os-Rios, que entretanto chegaram ao local, ajudaram a retirar a mulher da água quando o militar chegou à margem. A vítima, de Alpendorada, que já estava em paragem cardiorrespiratória, recuperou os sinais vitais depois de ser sujeita a manobras de reanimação pelos bombeiros e pelo INEM e foi levada ao Hospital de Penafiel, em estado crítico.

No interior da viatura da vítima foi encontrado uma caixa de comprimidos com efeito calmante e um copo de plástico que terá presumivelmente servido para tomar os que faltavam na caixa.» in http://www.averdade.com/pagina/seccao/2/noticia/11047?utm_source=sendinblue&utm_campaign=NEWSLETTER_A_VERDADE&utm_medium=email

26/08/15

Amarante Mancelos - A minha Mãe no Convento de Mancelos com uma criança pertencente à Família Sousa, de Manhufe, da mesma freguesia.


(Magnífica Fotografia da minha Mãe com uma criança ao colo no Convento de Mancelos)

Segunda Liga: Leixões 2 vs F.C. do Porto B - Jovens Dragões derrotados no Estádio do Mar por 2-0 em encontro da 4.ª jornada da Segunda Liga.



«“BÊS” PERDEM COM LEIXÕES

Dragões derrotados no Estádio do Mar por 2-0 em encontro da 4.ª jornada da Segunda Liga.

O FC Porto B perdeu, esta quarta-feira, com o Leixões por 2-0, em partida a contar para a quarta jornada da Segunda Liga, disputada no Estádio do Mar, em Matosinhos, Rateira, aos 17 minutos, de grande penalidade, e Bruno Lamas, aos 79 minutos, marcaram os golos que ditaram a segunda derrota dos Dragões na competição.

Os matosinhenses chegaram à vantagem ainda na primeira parte, à passagem dos 17 minutos, quando o árbitro do encontro cometeu um erro grosseiro e assinalou uma falta inexistente de André Silva na área portista, que Rateira se encarregou de converter em golo. Até esse momento fulcral, os “bês”, mesmo não criando grandes ocasiões de perigo, estavam por cima dos acontecimentos do jogo e mostravam-se mais acutilantes do que o adversário. Até ao final da primeira metade, um maior controlo de bola dos comandados de Luís Castro revelou-se infrutífero na hora de alvejar a baliza de Taha e o Leixões saiu mesmo para o intervalo na dianteira (1-0).

Os azuis e brancos reentraram na partida com vontade de dar a volta ao resultado e estiveram instalados no meio-campo adversário durante largos períodos, mas as iniciativas atacantes não produziram efeitos práticos. Aos 72 minutos, o central leixonense Diogo Nunes viu o segundo amarelo e o técnico Luís Castro apostou tudo, saindo Verdasca e entrando Sérgio Ribeiro, mas - e já após uma boa oportunidade para Francisco Ramos empatar a partida - o Leixões elevou para 2-0, com um golo de Bruno Lamas (79m), resultado que se manteve até ao final.

O próximo encontro dos comandados de Luís Castro é o Freamunde e conta para a quinta jornada da Segunda Liga. O jogo está agendado para sábado, às 17h00, no Estádio de Pedroso e terá transmissão em directo no Porto Canal.

FICHA DE JOGO

LEIXÕES-FC PORTO B, 2-0
Segunda Liga, 4.ª jornada
26 de Agosto de 2015
Estádio do Mar, em Matosinhos

Árbitro: Vasco Santos (Porto)
Assistentes: Bruno Trindade e Sérgio Jesus
Quarto árbitro: André Silva

LEIXÕES: Taha; Pedro Pinto (cap.), Rui André, Diogo Nunes e Max; Cadinha, Malafaia e Miguel Ângelo; Yuanyi Li e Ricardo Barros e André Rateira
Substituições: Cadinha por Bruno Lamas (46m); Max por João Pedro (52m) e Miguel Ângelo por Pan Ximing (72m)
Não utilizados: Nuno Pereira, Pedras, Jorginho e Rui Cardoso
Treinador: Manuel Monteiro

FC PORTO B: Raúl Gudiño; Víctor García, Maurício, Verdasca e Rafa; Omar, Francisco Ramos (cap.) e João Graça; Ismael, André Silva e Gleison
Substituições: Omar por Fede Varela (64m), Ismael por Ruben Macedo (64m) e Verdasca por Sérgio Ribeiro (76m)
Não utilizados: André Caio, Pité, Chidozie e Cláudio
Treinador: Luís Castro

Ao intervalo: 1-0
Marcador: André Rateira (17m, g.p.) e Bruno Lamas (79m)
Disciplina: cartão amarelo a André Silva (16m), Max (44m), Diogo Nunes (62m e 71m) e Malafaia (66m). Cartão vermelho a Diogo Nunes (71m).» in http://www.fcporto.pt/pt/noticias/Pages/leixoes-fcportob-quarta-jornada-segunda-liga-260815.aspx


Futebol: Leixões-FC Porto B, 2-0 (Segunda Liga, 26/08/2015)
Pin It button on image hover