21/01/18

F.C. do Porto Andebol - F.C. do Porto 31 vs Ademar Léon 24 - A equipa de andebol do FC Porto venceu na tarde deste sábado o jogo particular que realizou frente à formação espanhola do Ademar Léon.



«DRAGÕES LEVAM A MELHOR NO PARTICULAR FRENTE AO ADEMAR LÉON

FC Porto venceu a formação espanhola por 31-24.

A equipa de andebol do FC Porto venceu (31-24) na tarde deste sábado o jogo particular que realizou frente à formação espanhola do Ademar Léon. No Dragão Caixa, os azuis e brancos aproveitaram da melhor forma o teste frente ao quarto classificado da principal divisão espanhola e que disputa atualmente a Liga dos Campeões.

Após um início de jogo com poucos golos, em que a equipa espanhola acabou por conseguir ganhar uma pequena vantagem, os azuis e brancos assentaram o seu jogo e agarraram a liderança do marcador após os 10 minutos, para não mais a largar. Tal como tinha prometido, Lars Walther aproveitou a ocasião e promoveu muitas rotações na equipa, mas a verdade é que se viu sempre um FC Porto competitivo e à procura de vencer, mesmo a tratando-se de um jogo particular.

O primeiro tempo acabou com os portistas na frente, por quatro golos, vantagem essa que nunca perderam durante um segundo tempo jogado a um ritmo mais baixo do que o primeiro. Mas aí, a eficácia defensiva dos Dragões fez-se notar, o que permitiu o dilatar do marcador até ao final do encontro, cujo resultado final se fixou em 31-24. Um bom teste para os Dragões, que voltam a competir de forma oficial já na próxima quarta-feira (21h00, Porto Canal), para defrontar o Boa Hora.

Pelos azuis e brancos competiram: Hugo Laurentino (g.r), Sérgio Morgado (g.r), Victor Iturriza, Nikola Spelic, Yoel Morales, Miguel Martins, Ángel Hernandez, Rui Silva, Daymaro Salina, José Carrillo, Diogo Branquinho, António Areia, Tito e Aleksander Spende.

No final do encontro, ao Porto Canal, o treinador Lars Walther mostrou-se satisfeito com o desfecho do jogo particular e admitiu ter boas perspetivas para o regresso à competição: “À exceção dos primeiros oito minutos foi um bom jogo. Começámos a estar mais relaxados e a jogar como equipa. Agora sei que a minha equipa está preparada para regressar à competição”, admitiu.» in http://www.fcporto.pt/pt/noticias/Pages/andebol-fcp-ademar-leon-jogo-particular.aspx

20/01/18

Liga NOS: F.C. do Porto 1 vs Tondela 0 - Golo do avançado maliano derrotou o Tondela de forma tangencial e devolveu o FC Porto ao primeiro lugar da Liga NOS.



«MAREGA DESBRAVOU O CAMINHO DE REGRESSO À LIDERANÇA

Golo do avançado maliano derrotou o Tondela (1-0) e devolveu o FC Porto ao primeiro lugar da Liga NOS.

Mesmo com um jogo a menos, o FC Porto está novamente na liderança da Liga NOS depois de bater o Tondela, por 1-0, no Estádio do Dragão, em partida da 19.ª jornada da prova. Marega (13m) foi o marcador de serviço dos Dragões, detentores do melhor ataque (46 golos) e da melhor defesa (nove) do Campeonato.

Com Marcano, Brahimi e Corona de regresso ao onze, desde o início que o FC Porto assumiu uma postura autoritária, mas o Tondela mostrou-se uma equipa difícil de desmontar ao longo dos primeiros 45 minutos. Herrera deu o primeiro aviso (2m) e Brahimi seguiu-lhe o exemplo (13m), mas à terceira foi mesmo de vez. Sulley fez mal os cálculos e deixou Marega frente-a-frente com Cláudio Ramos. O avançado maliano não se fez rogado e atirou a contar para o 15.º golo da conta pessoal no Campeonato (13m), dando vantagem aos azuis e brancos.

O remate certeiro de Marega foi como que uma materialização do domínio portista, mas nem por isso o Tondela se desorganizou e deu o primeiro ar da sua graça por intermédio de Tomané, mas o avançado tondelense falhou o alvo (19m). No instante seguinte a um lance com Corona na área do Tondela que deixou muitas dúvidas (30m), Aboubakar cabeceou ao poste após canto de Alex Telles e ficou a centímetros de fazer o 2-0 para o FC Porto. Pouco depois, Danilo e Corona combinaram muitíssimo bem entre si, mas o remate do mexicano saiu frouxo e à figura de Cláudio Ramos (35m).

O intervalo chegou com vantagem mínima para os Dragões, mas a diferença era indiscutivelmente escassa para as oportunidades criadas pela equipa de Sérgio Conceição. O segundo tempo mostrou um FC Porto ainda mais dominador e acutilante, mas o ímpeto portista esbarrou quase sempre na inspiração de Cláudio Ramos. O guarda-redes do Tondela foi o principal responsável por os azuis e brancos não terem logrado mais do que um golo, mas quando o 2-0 pareceu um dado adquirido, o videoárbitro anulou o festejo de Brahimi e companhia (65m).

Não foi a exibição mais empolgante da época, mas o FC Porto fez por merecer uma vitória mais folgada e só não o conseguiu porque a performance de Cláudio Ramos é digna de ser compilada em DVD. De qualquer forma, o mais importante foi alcançado: mais três pontos somados e o regresso à liderança isolada da Liga NOS, mesmo com 45 minutos por disputar no Estoril. Afinal de contas, se há equipa neste Campeonato que está habituada ao primeiro lugar, é o FC Porto.

VER FICHA DE JOGO» in http://www.fcporto.pt/pt/noticias/Pages/2017%20-%202018/marega-desbravou-o-caminho-de-regresso-a-lideranca-1-19-2018.aspx


Liga (19ªJ): Resumo FC Porto 1-0 CD Tondela

F.C. do Porto Atletas Internacionais - Antes do início do FC Porto-Tondela desta sexta-feira, José Sá, Danilo, Marega e Sérgio Conceição receberam os prémios da Liga Portugal de melhor guarda-redes, melhor médio, melhor avançado e melhor treinador respetivamente, relativos ao mês de dezembro.



«DRAGÕES DISTINGUIDOS PELA LIGA

José Sá, Danilo, Marega e Sérgio Conceição receberam o prémio de melhores de dezembro.

Antes do início do FC Porto-Tondela desta sexta-feira, José Sá, Danilo, Marega e Sérgio Conceição receberam os prémios da Liga Portugal de melhor guarda-redes, melhor médio, melhor avançado e melhor treinador respetivamente, relativos ao mês de dezembro. Os prémios foram entregues pelo Diretor Executivo da Liga Portugal, Pedro Correia, e pelo presidente do Eurobic, Fernando Teixeira dos Santos.

O FC Porto foi o clube mais representado nos prémios mensais relativos ao último mês do ano atribuídos pela Liga Portugal, que são resultado de uma votação online no seu site oficial e dos votos dos treinadores da Liga NOS e Ledman LigaPro.​» in http://www.fcporto.pt/pt/noticias/Pages/premios-dezembro-antes-fcp-tondela-190118.aspx

F.C. do Porto Transferências - Majeed Waris é reforço até ao final da época, por empréstimo do Lorient, ficando o FC Porto com opção de compra.



«WARIS PRONTO PARA LUTAR “PELA CAMISOLA” E NÃO PELO SEU “NOME”

Ganês chega por empréstimo até ao final da época e julga que poderá “combinar” bem com os outros avançados.

Majeed Waris é reforço até ao final da época, por empréstimo do Lorient, ficando o FC Porto com opção de compra. O ganês de 26 anos, que pode fazer todas as posições do ataque, promete lutar “pela camisola” e não por feitos individuais. “Não estou aqui pelo meu nome. Estou muito contente e pronto para dar tudo para que o clube tenha sucesso e ganhe troféus”, afirmou ao www.fcporto.pt e Porto Canal o avançado, que espera criar uma boa química com os companheiros de posição, nomeadamente os também africanos Aboubakar, Marega e Brahimi.

“São jogadores fantásticos, marcam quase sempre. Também estou aqui para os ajudar a marcar mais golos e a que a equipa ganhe. Provavelmente poderemos marcar mais alguns golos juntos. É isso o mais importante: não quem marca mas fazermo-lo juntos”, declarou Waris, que destacou a velocidade dos colegas, que é também umas das suas caraterísticas. “Penso que poderei combinar bem com eles, porque têm uma mentalidade ofensiva, que também tenho. É uma questão de nos entendermos e trabalharmos juntos.”

O novo camisola 18 confessou que tinha outras opções e explicou porque escolheu o Dragão: “É provavelmente o clube em que os meus sonhos se podem tornar realidade, jogar numa liga de topo e na Champions. Falei com alguns amigos, o Christian Atsu e o Opare, que estiveram cá antes. Ajudaram-me a decidir vir para aqui”. Waris está ainda “ansioso” por conhecer Sérgio Conceição, que já defrontou em França, quando o treinador comandava o Nantes.

O ganês foi o melhor marcador do Campeonato sueco em 2012, com apenas 21 anos, ao serviço do Hacken (23 golos em 29 jogos), e, na Liga francesa, representando o Valenciennes e o Lorient, tem uma marca interessante de 31 golos em 87 partidas. Para além da Suécia, já experimentou as Ligas russa (Spartak Moscovo, entre 2012 e 2014) e turca (Trabzonspor, em 2014 e 2015). Marcou ainda presença no Mundial do Brasil, em 2014.» in http://www.fcporto.pt/pt/Pages/fc-porto.aspx

Amarante Antiga - Extraordinária fotografia do mestre Eduardo Teixeira Pinto, aqui realçada pelas palavras do meu Amigo e apreciador de Amarante e do seu vasto património, Carlos Branquinho de Barcelos.




«Uma fotografia de eleição, de Eduardo Teixeira Pinto.

Na condição de amante da fotografia a preto e branco e admirador da obra do fotografo Eduardo Teixeira Pinto (Amarante, 1933 - Porto, 2009) apresento-vos esta soberba fotografia, intitulada "Carros de bois nas ruas de Amarante, 1960", do célebre fotógrafo amarantino, distribuída hoje pelo Jornal Correio da Manhã.

"Os velhos e os novos transportes, com os animais a puxarem pesadas cargas enquanto os automóveis estão estacionados. Curioso ser um rapaz a comandar a marcha, ladeado por um homem bem vestido, talvez o proprietário do vinho") Copyright da imagem: Eduardo Teixeira Pinto.» in https://www.facebook.com/photo.php?fbid=2013018905588326&set=a.1580999942123560.1073741849.100006407077786&type=3&theater

Palavras escritas com amizade pelo amigo e apreciador de Amarante, Carlos Branquinho, de Barcelos.

19/01/18

Política de Energia - A produção de petróleo dos Estados Unidos vai atingir este ano um máximo desde 1970 e superar a da Arábia Saudita, segundo maior produtor mundial, e aproximar-se da da Rússia, líder mundial, indicou a Agência Internacional de Energia.



«Estados Unidos vão atingir produção máxima de petróleo e ultrapassar Arábia Saudita
Jornal Económico com Lusa

A produção de petróleo dos Estados Unidos apoia-se na subida do preço do petróleo, que aumentou para níveis acima dos 60 dólares e máximos desde dezembro de 2014, adianta a AIE, organismo dependente da OCDE (Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico).

A produção de petróleo dos Estados Unidos vai atingir este ano um máximo desde 1970 e superar a da Arábia Saudita, segundo maior produtor mundial, e aproximar-se da da Rússia, líder mundial, indicou a Agência Internacional de Energia.

No relatório mensal, divulgado a 19 de janeiro em Paris, a Agência Internacional de Energia (AIE) prevê que os Estados Unidos aumentem este ano a produção de petróleo em 1,35 milhões de barris por dia, ou seja superar os 10 milhões de barris e rivalizar com os dois gigantes que continuam a limitar as extrações.

A produção de petróleo dos Estados Unidos apoia-se na subida do preço do petróleo, que aumentou para níveis acima dos 60 dólares e máximos desde dezembro de 2014, adianta a AIE, organismo dependente da OCDE (Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico).

Graças a esta dinâmica norte-americana, a AIE prevê que a extração dos países não pertencentes à OPEP (Organização de Países Exportadores de Petróleo) suba em 1,7 milhões de barris diários, contra um acréscimo de 700.000 barris verificado no ano passado.

Em relação à OPEP, a agência prevê que o cartel mantenha os cortes de produção e respeite o acordo, que termina no final do ano e que o levou a cortar em 400.000 barris por dia no ano passado, para 39,2 milhões.

A Venezuela liderou os cortes de produção em 2017, sublinha a AIE.

Quanto à procura, a AIE mantém as previsões de crescimento para 2018 em 1,3 milhões de barris por dia para um total de 99,1 milhões de barris por dia.

Estas estimativas traduzem uma desaceleração da procura face a 2017 que se explica pelo encarecimento do produto, a diminuição do consumo na China associada às políticas ecológicas e à crescente concorrência do gás natural nalguns países.» in http://www.jornaleconomico.sapo.pt/noticias/estados-unidos-vao-atingir-producao-maxima-de-petroleo-e-ultrapassar-arabia-saudita-258417

F.C. do Porto Associados - Jorge Nuno Pinto da Costa marcou mais uma vez presença, como é habitual, numa cerimónia de entrega de rosetas de prata (correspondente a 25 anos de associado) e ouro (50 anos), na Tribuna VIP do Estádio do Dragão.



«DEDICAÇÃO DOS SÓCIOS FOI PREMIADA EM MAIS UMA ENTREGA DE ROSETAS

Administrador Reinaldo Teles e presidente da AG Matos Fernandes entre os distinguidos na noite desta quinta-feira.

Jorge Nuno Pinto da Costa marcou mais uma vez presença, como é habitual, numa cerimónia de entrega de rosetas de prata (correspondente a 25 anos de associado) e ouro (50 anos), na Tribuna VIP do Estádio do Dragão. Foram 671 os sócios que, esta quinta-feira à noite, passaram a poder ostentar a roseta de prata (413 pessoas) e de ouro (258). Entre eles, dois pertenciam aos próprios órgãos sociais: José Manuel Matos Fernandes, presidente da Assembleia Geral do clube e da SAD, e Reinaldo Teles, administrador da SAD.

Pode ver a imagem da entrega das rosetas a Matos Fernandes (sócio n.º 18417) e Reinaldo Teles (2635) na galeria abaixo, em que está também registada a presença de Maria Azevedo (sócia 2585), viúva do empresário Belmiro de Azevedo, ex-dirigente e atleta do clube, falecido em novembro.

“É uma honra muito grande receber a roseta dos 50 anos. Para mim, aos 67 anos, é muito bonito, visto que já ganhei tudo em termos de títulos, prémios, Dragões de Ouro… Este também é um prémio muito importante para a minha carreira”, afirmou Reinaldo Teles. Por sua vez, Matos Fernandes falou de um sentimento que espera que continue “de geração em geração”: “É um momento de grande emoção que vem de muito longe, de nascença, do meu pai, que tenho pena que não esteja aqui para receber a sua roseta, que seria bem mais merecida do que a minha. Vem do meu avô, passou ao meu filho, está na minha neta. Espero que continue”.

Não foi apenas o presidente Pinto da Costa a impor as rosetas aos associados: o bibota Fernando Gomes, o secretário da Assembleia Geral Fernando Sardoeira Pinto, o provedor e membro da direção do clube Rodrigo Pinto Barros, o vice-presidente Alípio Jorge e Álvaro Pinto, presidente do Conselho cultural, partilharam a tarefa. A Tuna de Contabilidade do Porto interpretou, logo na abertura, o Hino do clube, atuando ainda no intervalo.

Esta quinta-feira foi entregue a roseta de prata aos sócios com o número entre 18056 e 18469 e a de ouro aos sócios entre os números 2420 e 2650, mas há mais duas cerimónias agendadas para fevereiro, nos dias 1 e 5.» in http://www.fcporto.pt/pt/noticias/Pages/Entrega-das-rosetas-de-ouro-e-prata-180118.aspx

Desporto Surf - O surfista português Hugo Vau pode ter realizado um recorde, esta quinta-feira, na onda a que chamam de ‘Big Mamma".



«Na Nazaré já dizem que esta foi a maior onda alguma vez surfada
Rita Paz

O surfista português Hugo Vau pode ter realizado um recorde, esta quinta-feira, na onda a que chamam de ‘Big Mamma’. Tinha  cerca de 35 metros.

A revelação foi feita por Jorge Leal (membro da equipa do surfista português) através da página de Instagram. “Hoje vi provavelmente a maior onda surfada na Nazaré por @hugovau no maior swell de sempre!”, escreveu na descrição do vídeo.

Em entrevista à SIC, Hugo Vau disse que a equipa esteve sozinha “cerca de três horas na praia do Norte devido às condições adversas” e que houve cerca de cinco ou seis ondas em que tentou entrar, mas não conseguiu devido ao vento.

Vau acabou por surfar aquela que é considerada há sete anos como a “Big Mama”. “É muito grande, muitos surfistas que têm muitos anos de praia do Norte já me disseram que foi a maior onda que alguma vez viram surfar na Praia do Norte”, continuou.

Recorde-se que o recorde mundial pertence a Garrett McNamara que, em 2011 e naquela mesma praia”, surfou uma onda de 23,8 metros.

A onda surfada por Hugo Vau terá chegado aos 35 metros, mas cabe agora ao “XXL Biggest Wave Awards”, uma espécie de Óscar das ondas gigantes, confirmar o tamanho da onda surfada.» in http://www.jornaleconomico.sapo.pt/noticias/na-nazare-ja-dizem-que-esta-foi-a-maior-onda-alguma-vez-surfada-258263


(A onda "Big Mamma")

Amarante Rotary Club de Amarante - Homenagem ao Profissional, Banda Musical de Amarante, Restaurante Grelha-Edifício Top - 20H30M.


(Homenagem ao Profissional, Banda Musical de Amarante, Restaurante Grelha-Edifício Top - 20H30M)

18/01/18

Ambiente e Ecologia - A seca e os incêndios tiveram reflexo nas emissões de dióxido de carbono, que terão aumentado, levando a um agravamento da qualidade do ar, em 2017 relativamente a 2016, disse hoje o secretário de Estado do Ambiente.



«Seca e incêndios causam mais emissões e agravamento da qualidade do ar em 2017

A seca e os incêndios tiveram reflexo nas emissões de dióxido de carbono, que terão aumentado, levando a um agravamento da qualidade do ar, em 2017 relativamente a 2016, disse hoje o secretário de Estado do Ambiente.

"Em 2017, vamos ter um agravamento das emissões, com isso a influenciar algum agravamento da qualidade do ar", avançou Carlos Martins, falando aos jornalistas, em Lisboa, à margem da apresentação do Relatório do Estado do Ambiente 2017 (REA), referente a dados de 2016.

O governante explicou que a qualidade do ar em 2016 "tinha sido a melhor algum dia registada com muito menos dias sem a classificação de bom", ou seja, com menos de bom.

O ano passado "não trará, com certeza, essa trajetória porque, infelizmente, houve ocorrências em algumas zonas do país que habitualmente" apresentam uma boa qualidade do ar, e agora "terão tido períodos ou dias afetados", especificou.

Durante a sessão de apresentação do REA, o presidente da Agência Portuguesa do Ambiente (APA), Nuno Lacasta, referiu que as 69 milhões de toneladas de dióxido de carbono atingidas representaram uma descida relativamente a anos anteriores, mas que "em 2017, devido à seca e aos fogos florestais, os números vão elevar-se para próximo daqueles atingidos em 2005", devendo atingir "cerca de 80 milhões de toneladas".

Os incêndios florestais de 2017, que causaram 116 mortos e uma das maiores áreas ardidas de sempre, exigiram uma mudança do 'mix energético', com alterações no desempenho das renováveis, nomeadamente das barragens.

"Limitamos a partir de maio a produção de energia elétrica a partir das soluções hídricas para garantir, por um lado, a rega e, por outro, o abastecimento público de água às populações, como prioridades máximas", referiu o secretário de Estado do Ambiente.

Os produtores de energia tiveram de encontrar outras fontes alternativas para que a eletricidade não faltasse na casa dos consumidores, nomeadamente o carvão e o gás natural que, sobretudo o primeiro "agrava a qualidade do ar", acrescentou.

Quando estiverem disponíveis os dados sobre 2017, resumiu o responsável, "trarão uma trajetória, um valor que será penalizante".

O REA 2017 reporta "uma fotografia de 31 de dezembro de 2016 e ainda não reflete as implicações da seca e dos incêndios florestais", fez questão de referir o secretário de Estado, recordando que estão a ser feitos esforços para que as estatísticas relacionadas com o Ambiente passem a disponibilizar dados mais atuais.

Aquele documento, disponibilizado no 'site' na internet da APA na semana passada, abrange dados sobre economia e ambiente, energia e clima, transportes, ar e ruído, água, solo e biodiversidade, resíduos e riscos ambientais.» in http://24.sapo.pt/atualidade/artigos/seca-e-incendios-causam-mais-emissoes-e-agravamento-da-qualidade-do-ar-em-2017

F.C. do Porto Transferências - O clube portista já terá chegado a acordo com o Lorient e Majeed Waris deve rumar ao Estádio do Dragão por empréstimo.



«WARIS VAI CHEGAR POR EMPRÉSTIMO AO FC PORTO

Já existe acordo entre o Lorient e os 'dragões'.

Sérgio Conceição pode contar com mais um reforço africano para o ataque. O clube portista já terá chegado a acordo com o Lorient e Majeed Waris deve rumar ao Estádio do Dragão por empréstimo.

Segundo avança o jornal A Bola, o internacional pelo Gana ruma aos 'dragões' por empréstimo até ao final da época, sendo que fica estipulado uma opção de compra de seis milhões de euros.

O jogador acabou por ser decisivo no negócio, visto que preferiu rumar ao clube portista do que integrar o plantel do Caen, clube que também estaria a tentar garantir a sua contratação.

O negócio terá sido obtido esta passada quarta-feira de manhã, depois de várias propostas e contrapropostas. Waris surge assim como um reforço para Sérgio Conceição, que o chegou a treinar no Nantes.

O facto de ter jogado pouco na presente campanha e da desilusão de estar a participar na Ligue 2, equivalente à segunda divisão francesa, levou a que o negócio se concretizasse mais rapidamente, visto que o Lorient não queria ter nos seus quadros um jogador contrariado.» in https://desporto.sapo.pt/futebol/primeira-liga/artigos/waris-vai-chegar-por-emprestimo-ao-fc-porto

F.C. do Porto Hóquei Patins: F.C. do Porto Fidelidade 2 vs Sporting C.P. 1 - Sporting batido pela margem mínima no Dragão Caixa, com golos de Gonçalo Alves e Hélder Nunes. Grau defendeu quase tudo.



«GRAU SEGUROU VITÓRIA QUANDO A TEMPERATURA SUBIU

Sporting batido por 2-1 no Dragão Caixa, com golos de Gonçalo Alves e Hélder Nunes. Grau defendeu quase tudo.

Com golos de Gonçalo Alves e Hélder Nunes, o FC Porto bateu na noite desta quarta-feira o Sporting, por 2-1, e aproximou-se assim do topo da tabela do Campeonato Nacional. À 12.ª jornada, os Dragões continuam no terceiro lugar, com 30 pontos, mas a apenas dois do primeiro classificado, agora o Benfica, e a um do Sporting, segundo, que ainda não tinha sofrido qualquer derrota na prova. A partida foi emotiva e o guarda-redes Carles Grau foi decisivo na parte final, com defesas espetaculares, nomeadamente a um livre direto de Caio, já no último minuto.

A primeira parte foi muito tática, com o FC Porto a assumir o controlo do jogo e o Sporting uma postura mais conservadora, visível nomeadamente no cinco inicial, que incluía Platero e Henrique Magalhães como âncoras defensivas. De resto, os lisboetas têm feito da defesa a sua grande arma no Campeonato Nacional, tendo a defesa menos batida (15 golos).

Os Dragões tiveram mais oportunidades para abrir o marcador na primeira parte, tendo a melhor sido um penálti assinalado após falta de Henrique Magalhães sobre Telmo Pinto. Porém, Ângelo Girão defendeu o remate de Gonçalo Alves. Ao intervalo, os azuis e brancos tinham rematado por 27 vezes, contra 14 do adversário.

Numa partida com estas caraterísticas, as bolas paradas estavam destinadas a ter um papel decisivo e foi o Sporting a ter a primeira oportunidade neste capítulo, com Grau a negar o golo a Pedro Gil, na conversão do livre direto correspondente à décima falta do FC Porto. O marcador acabou por funcionar aos 35 minutos e foi numa jogada corrida: Gonçalo Alves, de meia distância, fez rebentar a festa no Dragão Caixa.

O Sporting passou a arriscar mais e o 2-0 poderia ter surgido aos 42 minutos, num contra-ataque em que Rafa rematou ao lado e Reinaldo García acertou no ferro na recarga. Porém, no minuto seguinte, um desvio feliz de João Pinto permitiu o empate aos forasteiros. Faltava pouco tempo e os Dragões não baixaram os braços, até porque a décima falta estava próxima - e quando surgiu, aos 45, Hélder Nunes fez o 2-1, na recarga ao livre direto, com uma grande execução.

Havia que segurar a vantagem e Carles Grau foi decisivo nesse objetivo: à entrada do último minuto voltou a defender um livre direto (após uma duvidosa 15.ª falta), a remate de Caio, e depois, já nos últimos segundos, com o Sporting com cinco jogadores de campo, efetuou mais um par de defesas espantosas. Parte significativa do triunfo vai também para a paixão do Dragão Caixa, que apoiou muito a equipa e a carregou até aos três pontos, frente a um rival difícil e calculista. 

FICHA DE JOGO 

FC PORTO FIDELIDADE-SPORTING, 2-1
Campeonato Nacional, 12.ª jornada
17 de janeiro de 2018
Dragão Caixa, no Porto

Árbitros: Júlio Teixeira e Paulo Rainha

FC PORTO FIDELIDADE: Carles Grau (g.r.), Reinaldo García, Hélder Nunes (cap.), Rafa e Gonçalo Alves
Jogaram ainda: Ton Baliu e Telmo Pinto
Treinador: Guillem Cabestany

SPORTING: Ângelo Girão (g.r.), Henrique Magalhães, Matias Platero, João Pinto (cap.) e Pedro Gil
Jogaram ainda: Caio e Toni Pérez
Treinador: Paulo Freitas

Ao intervalo: 0-0
Marcadores: Gonçalo Alves (35m), João Pinto (43m) e Hélder Nunes (45m)» in http://www.fcporto.pt/pt/noticias/Pages/FC-Porto-Fidelidade-Sporting-12a-jor-Camp-Nac-1718.aspx


(Resumo do FC Porto 2-1 Sporting CP)

F.C. do Porto Hóquei Patins - Edo Bosch foi homenageado esta quarta-feira, antes do início do jogo entre o FC Porto e o Sporting, a contar para a 12.ª jornada do Campeonato Nacional, no Dragão Caixa.



«EDO BOSCH FOI HOMENAGEADO E AGRADECEU AOS ADEPTOS

Ex-guarda-redes, já retirado, recebeu uma camisola assinada por Pinto da Costa antes do início do jogo com o Sporting.

Edo Bosch foi homenageado esta quarta-feira, antes do início do jogo entre o FC Porto e o Sporting, a contar para a 12.ª jornada do Campeonato Nacional, no Dragão Caixa. O ex-guarda-redes, que trocou esta época a carreira de jogador pela de treinador (é adjunto na Juventude de Viana), recebeu uma camisola azul e branca com o seu número de sempre (47), assinada por Jorge Nuno Pinto da Costa. Para além do presidente, também Eurico Pinto, vogal da direção para o hóquei em patins, esteve presente no rinque.

O espanhol cumprimentou todos os jogadores, inclusive os do Sporting, até porque foi companheiro de alguns deles durante vários anos, nomeadamente o compatriota Pedro Gil e Caio. Das bancadas chegou o cântico “Edo Bosch allez”, o que o deixou visivelmente emocionado.

“É um daqueles momentos que nunca vou esquecer na vida. O FC Porto e os adeptos do FC Porto deram-me muito e tentei retribuir com vitórias. O que recebi, todo o carinho, foi muito mais do que se pode esperar num sonho”, afirmou o catalão, logo após este momento, ao Porto Canal.

O ex-guarda-redes representou os Dragões durante 18 temporadas – em 2016/17 alinhou por uma última época na Juventude de Viana – e ficará para sempre ligado à inédita conquista do decacampeonato, sendo juntamente com Filipe Santos, Emanuel Garcia e Reinaldo Ventura um dos totalistas desse feito. Além dos dez consecutivos, Campeonatos Nacionais foram mais três, a que se somam sete Taças de Portugal e nove Supertaças. No total, foram 29 títulos em 18 anos.

Edo Bosch fez na última entrevista à Dragões (em junho de 2016) um balanço sobre a sua passagem pelos azuis e brancos, na qual recordou todo o percurso desde 7 de julho de 1998, dia em que rubricou o primeiro contrato. O artigo pode ser lido na integra aqui.» in http://www.fcporto.pt/pt/noticias/Pages/Homenagem-a-Edo-Bosch-pre-FC-Porto-Sporting-170118.aspx


A homenagem a Edo Bosch - (17/01/18)

17/01/18

F.C. do Porto Estádio Dragão - O FC Porto vai receber a ESSMA Summit de 2019, um evento organizado pela Associação Europeia de Gestão e Segurança de Estádios (ESSMA) em parceira com a Associação Europeia de Clubes (ECA) e a Associação das Ligas Europeias de Futebol Profissional (EPFL).



«FC PORTO VAI RECEBER A ESSMA SUMMIT 2019

Estádio do Dragão será o palco de cimeira internacional.

O FC Porto vai receber a ESSMA Summit de 2019, um evento organizado pela Associação Europeia de Gestão e Segurança de Estádios (ESSMA) em parceira com a Associação Europeia de Clubes (ECA) e a Associação das Ligas Europeias de Futebol Profissional (EPFL).

O Estádio do Dragão será palco, em janeiro do próximo ano, da 5ª cimeira dedicada a gestão de infraestruturas, desenvolvimento de novos conceitos de marketing e negócio e segurança de estádios.

A ESSMA Summit de 2018 está a decorrer nesta altura no Aviva Stadium, em Dublin, com cerca de 375 representantes de Clubes, Estádios, Ligas, Federações e de empresas fornecedoras de produtos e serviços no setor.

Depois de passar pelo Groupama Stadium (Olympique Lyon), a Allianz Arena (Bayern Munique) e o San Mamés (Athletic Bilbao), a ESSMA Summit realiza-se este ano no AVIVA Stadium e em 2019 no Estádio do Dragão.

No primeiro dia da ESSMA Summit de 2018, em Dublin, foram abordados temas distintos e importantes como o Ciclo de Vida dos Estádios, Operações de Dia de Jogo ou a Experiência dos Adeptos. 

O FC Porto é o único clube português na lista de membros da Associação Europeia de Gestão e Segurança de Estádios (ESSMA), a par de emblemas como Barcelona, Real Madrid, Atlético Madrid, Arsenal, Bayern Munique ou Borussia Dortmund.» in http://www.fcporto.pt/pt/noticias/Pages/FC-Porto-vai-receber-a-ESSMA-Summit-2019.aspx


(Estádio do Dragão)

Política de Educação - As placas de amianto já foram substituídas em pelo menos 300 escolas de todo o país, mas o material de isolamento que está a ser utilizado é o poliuretano que "não só é altamente inflamável, como tem componentes orgânicas voláteis que se vão libertando com a sua degradação e que são cancerígenas".



«MATERIAL USADO PARA SUBSTITUIR AMIANTO NAS ESCOLAS É CANCERÍGENO

Quem o diz é a coordenadora da organização ambientalista Quercus, Carmen Lima, que garante que as placas com poliuretano que estão a ser usadas para substituir as estruturas de amianto nas escolas têm componentes orgânicas potencialmente cancerígenas.

As placas de amianto já foram substituídas em pelo menos 300 escolas de todo o país, mas o material de isolamento que está a ser utilizado é o poliuretano que "não só é altamente inflamável, como tem componentes orgânicas voláteis que se vão libertando com a sua degradação e que são cancerígenas".

A notícia é avançada hoje pelo jornal Público. Segundo a coordenadora da Quercus - Associação Nacional de Conservação da Natureza, Carmen Lima, este material está a ser utilizado para substituir as coberturas com amianto, cuja utilização é proibida em Portugal desde 2005.

A utilização de amianto foi proibida, precisamente, porque a exposição a este componente pode causar cancro.

Por outro lado, segundo o jornal, as operações de retirada de amianto podem ser particularmente perigosas para os trabalhadores envolvidos nas obras e para as pessoas que estão presentes no local devido ao perigo de libertação de fibras potencialmente cancerígenas.

Por isso, a Quercus defende que essa operação deve ser feita com o menor número de pessoas possível e devidamente protegidas para o efeito.» in https://lifestyle.sapo.pt/saude/noticias-saude/artigos/material-usado-para-substituir-amianto-nas-escolas-e-cancerigeno


(Químico demonstra os perigos do poliuretano)
Pin It button on image hover